Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




por Oldfox, em 08.12.08

Última Sessão da Comunidade de Leitores da Culturgest

"Vista de Delft" Johannes Vermeer, 1660

8 Dezembro, 2008
É já depois de amanhã, dia 10 de Dezembro, a última sessão desta Comunidade de Leitores, na Culturgest. (Em Janeiro, teremos mais, como já foi noticiado).
Proponho algumas questões para iniciarmos a discussão de "Rapariga com Brinco de Pérola" de Tracy Chevalier.


1 - A cidade de Delft no século XVII aparece-nos como próspera, auto-suficiente, dinâmica. Qual era a situação socio-económica nos Países Baixos, nessa altura, e porquê? O que significa a estrela na pavimento, onde Griet se detém, tanto no início, como no fim? Para onde (e o que) é que as suas pontas indicam? O que estava a acontecer na Europa, por essa altura?
2 - A prosperidade em que viviam os habitantes dos Países Baixos teve grande importância na História de Arte. Porquê? A que grupo social pertenciam as pessoas que adquiriam obras de arte? Será que o gosto dessas pessoas teve influência nos temas usados pelos artistas, neste caso, Johannes Vermeer?
3 - Como comparar a arte e a vida de Vermeer com a de outro grande artista - Rembrandt, seu compatriota e seu contemporâneo, embora mais velho - que já analisámos quando lemos "A Ronda da Noite" de Agustina Bessa Luís?
4 - Quais as diferenças de tratamento destes dois pintores por duas escritoras tão diferentes como Tracy Chevalier e Agustina Bessa Luís?
5 - "Rapariga com Brinco de Pérola" centra-se na figura da jovem Griet. Será Griet uma típica adolescente? Se sim, de que forma? Quais são as suas características principais?
6 - Será a relação de Griet com Vermeer o tema fulcral deste livro? O quadro foi pintado cerca de 1665, quando Vermeer tinha 33 anos. O que Griet viu em Vermeer? E como se poderá caracterizar a relação do pintor com a sua própria mulher, Catharina?
7 - Como caracterizar a relação entre Vermeer e a sogra, Maria Thins? Será que esta última percebe melhor a arte do genro ou não? E quanto à relação entre Maria Thins e Griet? E entre Griet e os outros membros da casa, incluindo, obviamente, a criada mais antiga, Tanneke ?
8 - De que forma é que a religião afecta a relação de Vermeer com Griet e, na realidade, afecta todo o tipo de relacionamentos?
9 - Qual o papel do mecenas e patrono de Vermeer, Van Ruijven, em toda a história? Porque é que ele tentou "abusar" de Griet?
10 - Quais são os sentimentos mais poderosos descritos neste livro? Como é que se relacionam com a arte de Vermeer?
11 - Será que Griet fez a escolha certa ao casar com o filho da talhante? De que forma o tempo que passou em casa dos Vermeer afectou toda a sua vida?
12 - Finalmente, o que pensar em termos de verosimilhança, desta ficção criada por Tracy Chevalier para explicar o mistério do quadro "Rapariga de Brinco de Pérola" de Vermeer - notar as diferenças entre este e outros quadros do artista.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:26



Um blogue da literatura, dos livros, dos leitores, dos editores, dos livreiros, dos alfarrabistas, dos desesperados, dos felizes e do que mais aprouver.

Mais sobre mim

foto do autor